24 janeiro 2012

GUERRA A VISTA..



 
 O que fizemos apenas por nós mesmos morre conosco; o que fizemos pelos outros e pelo mundo permanece e é imortal. - Albert Pike

Albert Pike e as 3 Guerras Mundiais


Albert Pike (29 de Dezembro de 1809, Boston — 2 de Abril de 1891,Washington) foi um advogado, militar e escritor dos Estados Unidos. Albert foi reconhecido como um gênio, falava dezesseis idiomas e conseguiu a patente de General-de-Brigada do Exército Confederado na Guerra Civil dos Estados Unidos da América.

Causou impacto ao publicar a obra "Morals and Dogma of the Ancient and Accepted Scottish Rite of Freemasonry" que tratava dos graus do Rito Escocês (Maçonaria).

Pike, teve uma visão e descreveu-a numa carta endereçada a Giuseppe Mazzini, com data de 15 de Agosto de 1871. 
Nesta carta estão descritos os traços gerais para a criação de três guerras mundiais que seriam necessárias para trazer a Nova Ordem Mundial.

A carta esteve em exposição por um breve período de tempo no British Museum Library de Londres em 1925, de acordo com o Cardeal Caro y Rodriguez de Santiago do Chile, cujo qual a transcreveu e posteriormente a publicou no seu livro “The Mistery of Freemasonry Unveiled”. O museu nega a existência de tal documento.

“A Primeira Guerra Mundial deve decorrer de forma a permitir que os Illuminati derrubem o poder dos Czares da Rússia e garantam que esse país se torne um bastião do comunismo ateísta. As divergências causadas pelos agentes Illuminati entre a Alemanha e a Inglaterra serão usados para fomentar esta guerra. No final da guerra, o comunismo será criado e usado de forma a destruir outros governos e ainda para enfraquecer as religiões.”

A Segunda Guerra Mundial deve ser fomentada por forma a tirar vantagem das diferenças entre os Fascistas e os Sionistas políticos. Esta guerra tem de surgir de forma a que o Nazismo seja destruído e o Sionismo político se torne forte suficiente para instituir um Estadosoberano de Israel na Palestina.

Durante a Segunda Guerra Mundial, o comunismo internacional tem de se tornar forte suficiente de forma a contrabalançar a cristandade, o qual deverá então ser refreado e contido em cheque, até ao momento em que nós voltaremos a necessitar dele para o derradeiro cataclismo social.”

“A Terceira Guerra Mundial tem de ser fomentada de forma a tirar vantagem das diferenças causadas pelos agentes Illuminati entre os Sionistas políticos e os líderes do mundo Islâmico. 

Esta guerra tem de ser conduzida de forma a que o Islã (Mundo Árabe Muçulmano) e o Sionismo político (Estado de Israel) se destruam mutuamente. Entretanto as outras nações, mais uma vez divididas nesta matéria serão constrangidas a lutar até ao ponto de completa exaustão física, moral, espiritual e econômica. Nós iremos então libertar os niilistas e os ateus, e então iremos provocar um formidável cataclismo social em que todo o seu horror mostrará claramente a todas as nações as consequências do ateísmo absoluto, origem de selvajaria e agitação sangrenta.

Então por todo o lado, os cidadãos, obrigados a se defender eles próprios contra as minorias revolucionárias, irão exterminar esses destruidores da civilização, e a multidão, desiludida com o Cristianismo, cujos espíritos ficarão a partir desse momento sem compasso ou direcção, ansiosos por um ideal mas sem saber para onde direccionar essa adoração, irão receber a verdadeira luz da manifestação universal da doutrina pura de Lúcifer, trazida finalmente aos olhos do público. 

Esta manifestação será resultado de um movimento reacionário geral no qual se seguirá a destruição da Cristianismo e do ateísmo, ambos conquistados e exterminados ao mesmo tempo.”





Precisa dizer mais alguma coisa?


Já está tudo planejado a mais de 100 anos.


Reveja algumas noticias sobre Israel e Irã se ainda houver alguma dúvida sobre uma guerra entre esses países.
http://celiosiqueira.blogspot.com/2011/12/israel-da-ultimato-ao-ira-desarme.html
http://celiosiqueira.blogspot.com/2011/11/presidente-de-israel-admite-ataque-ao.html
http://www.cartacapital.com.br/internacional/israel-cogita-atacar-o-ira/


3ª Guerra a caminho: Irã praticará exercícios militares para FECHAR O ESTREITO DE ORMUZ!



Estreito de Ormuz será fechado a petroleiros se avançarem sanções às exportações de petróleo 

"Se forem adotadas sanções contra (as exportações de) petróleo iraniano, nem uma gota de petróleo passará pelo estreito de Ormuz", afirmou Mohammad Reza Rahimi, citado pela agência oficial Irã.
"Não desejamos hostilidade nem violência (...) mas os inimigos só abandonarão as suas conspirações quando os colocarmos no seu lugar", acrescentou. @ Agência Lusa
http://noticias.sapo.pt/economia/artigo/estreito-de-ormuz-sera-fechado-a-petroleiros-se-avancarem-sancoes-as-exportacoes-de-petroleo-vice-pr_13538265.html


Israel garante ter respostas contra ameaças nucleares do Irã
JERUSALÉM — O presidente israelense, Shimon Peres, garantiu nesta terça-feira que tem respostas às ameaças nucleares do Irã, reafirmando que o país do Golfo representa um "problema para o mundo inteiro" e não apenas para o Estado hebraico.
"Israel tem respostas para o problema iraniano. Mas é responsabilidade do mundo inteiro resolver isso, não é um monopólio israelense", disse Peres durante a conferência anual de embaixadores de Israel em Jerusalém.
Em seu discurso, o presidente destacou que a doutrina de "ambiguidade deliberada" de Israel em questões nucleares é um meio de dissuasão "eficaz" contra Teerã.
Essa doutrina consiste em Israel, que não assinou o Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP), não confirmar nem desmentir se dispõe de arsenal nuclear.
Segundo especialistas estrangeiros, o Estado hebraico tem entre 200 e 300 ogivas nucleares obtidas graças a um reator situado em Dimona, no deserto de Negev (sul), apesar de Israel afirmar que este lugar, que existe há 40 anos, é um centro de pesquisas.
"Israel tem capacidades de dissuasão, reais ou não. Ninguém sabe exatamente o que existe em Dimona, mas devo dizer que os fantasmas e as suspeitas dos países do Oriente Médio sobre essa questão favorecem a dissuasão israelense", analisou Peres.
"A decisão de Israel de manter uma política de ambiguidade todos esses anos tem sido bastante prudente", destacou.
Peres, como outros dirigentes israelenses, deu a entender, há pouco tempo, que seu país não descarta a opção militar para atuar contra o Irã.
Em um informe recente, a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) apoiou as suspeitas dos países ocidentais, segundo as quais Teerã, apesar de desmenti-lo, está desenvolvendo uma bomba nuclear.
Estão afundando o barco, e você vai fazer o que? Ficar assistindo a orquestra tocar como no filme do Titânic? 
Grandes mudanças estão a caminho..


    Charles Robert Darwin 


A "operação do erro" está em curso...pensem nisso.

Reações:

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2012 - Uma mensagem de esperança